+55 55 3431.2099 | 3430.1888 | 3430.1909

Morosidade na fiscalização de vinhos é atribuída à redução no quadro de Auditores Fiscais Federais Agropecuários

Compartilhe!

Uma reportagem veiculada no Jornal Nacional (Rede Globo), nesta última segunda-feira (24/06), abordou a demora na fiscalização de vinhos devido à falta de Auditores Fiscais Federais Agropecuários (AFFAs) nos portos. A matéria cita dados já apontados diversas vezes pelo Anffa Sindical sobre déficit de fiscais em todo o país e conta que as bebidas, que antes levavam dois dias para serem inspecionadas, agora costumam levar até 30 dias até a liberação, prejudicando exportações.

A reportagem traz, ainda, declaração do Superintendente Federal de Agricultura no estado do Espírito Santo, Flávio Marquini, sobre as “forças-tarefas” realizadas pelos AFFAs ativos, com objetivo de cobrir a falta de pessoal em unidades da federação, o que, segundo o superintendente, tem sido cada vez mais difícil.

“A gente realiza tentativas de remanejamento de AFFAs lotados em outras unidades da federação, mas é muito delicado, porque todas as unidades de vigilância agropecuária no Brasil estão passando pela mesma dificuldade”, afirma o SFA.

Fonte: encurtador.com.br/uHIKQ


Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fale conosco